Como "matar" um site, portal ou blog


Foto: Pixabay

Ingressar no mundo digital requer objetivos claros e estratégia. Ou seja, deve-se saber o que se quer comunicar, para quem, de que forma e o que se espera alcançar. É como se você tivesse que apresentar o seu negócio para diferentes pessoas – independentemente de terem ou não conhecimentos prévios do seu negócio e de sua área de atuação, além da idade ou da localização do seu público de interesse –, tentando vender seus produtos e/ou serviços ao longo de um menu diversificado. Definir o conteúdo e a atualização das informações disponibilizadas na web são fundamentais para garantir o sucesso do seu projeto, já que a internet requer dinamismo e inovação constantes.

Optar pela criação de um website tem sido uma decisão recorrente de empresas e de entidades, para apresentar essencialmente a sua trajetória, qual o seu negócio, a sua equipe, opções de produtos e serviços e formas de contato. Muitos, no entanto, acabam simplesmente transferindo o seu folder institucional ou mesmo o seu catálogo de mercadorias para a rede mundial de computadores, sem visualizar as múltiplas plataformas que os internautas têm à sua disposição – como conteúdos em áudio, vídeo e texto, além das diversas formas de interatividade. Lembre-se: a primeira impressão é a que fica, por isso capriche no designer e nos textos, tendo sempre novidades para fazer com que as pessoas voltem ao seu site.

Quando os conteúdos ganham um caráter pessoal e até mesmo opinativo, diferentemente dos portais de notícias, pode-se associá-los a um blog. Uma das características fundamentais desse formato é a possibilidade de comentar o assunto tratado, criando uma conversa ativa entre o autor e os seus leitores. Nos portais, porém, o tratamento das informações é essencialmente jornalístico, com a produção constante de notícias, preferencialmente em formato multimídia – que associa conteúdos em texto, com imagens, áudios e vídeos, entre outras possibilidades.

Invista em conteúdo

Um erro frequente de quem possui um site, portal ou blog é deixá-lo estático, com conteúdo único e limitado e que não gera novas visitas ou mesmo interação. Disponibilizar áreas próprias para notícias, notas e artigos, por exemplo, são formas estratégicas de apresentar novidades ao seu público de interesse. Mas não adiante se comprometer com os clientes e deixar de fazer postagens periódicas. Dessa forma, a sua imagem digital fica prejudicada, gerando uma sensação de desleixo e de desorganização ou até mesmo um certo descompromisso com a inovação.

Deixar de aproveitar as oportunidades que a internet possui – com grande potencial de alcance a b

aixos custos – para divulgar a sua empresa ou a sua entidade não somente “mata” suas chances de ter uma boa presença digital, mas torna-se uma questão sobrevivência no mercado. É preciso se reinventar constantemente. Por isso, conte com profissionais capacitados para ajudá-lo na busca de ações eficientes em todas as plataformas digitais. Conte com a MultiComunicação, pois, afinal, #ComunicaçãoProfissionalFazADiferença.

#DicasMulti para não "matar" um site, portal ou blog

1) Evite colocar os mesmos textos do seu folder ou do seu catálogo de produtos nas mídias digitais.

2) Não deixe o seu site estático, com textos institucionais longos e designer antigo.

3) Se optar por seções de notícias ou artigos, por exemplo, não deixe de atualizá-las.

4) Jamais copie conteúdos sem citar a fonte ou deixe de relacioná-los com o seu público.

5) Esqueça o uso de fotos, músicas ou vídeos sem qualidade. Credite sempre seus autores.

6) Mantenha suas plataformas digitais em pleno funcionamento. Investa em novas tecnologias!

#conteúdo #MultiComunicação #comunicação #Dicas #site #portal #blog #Profissional

Mais recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.